ISSN 1678-0701
Número 62, Ano XVI.
Dezembro/2017-Fevereiro/2018.
Números  
Início      Cadastre-se!      Procurar      Submeter artigo      Fazer doação      Contato     Apresentação     Normas de Publicação     Artigos     Dicas e Curiosidades     Reflexão     Para sensibilizar     Dinâmicas e recursos pedagógicos     Entrevistas     Culinária     Arte e ambiente     Sugestões bibliográficas     Educação     Você sabia que...     Contribuições de Convidados/as     Práticas de Educação Ambiental     Sementes     Ações e projetos inspiradores     Gestão Ambiental     Cidadania Ambiental     Relatos de Experiências     Notícias
Notícias

27/01/2018CAMPANHA FAZ ALERTA CONTRA O CRESCIMENTO DA OBESIDADE INFANTIL NO PAÍS  
Link permanente: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=2957 
" data-layout="standard" data-action="like" data-show-faces="true" data-share="true">

CAMPANHA FAZ ALERTA CONTRA O CRESCIMENTO DA OBESIDADE INFANTIL NO PAÍS 

Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável defende a criação de rótulos em alimentos não saudáveis, com o objetivo de ajudar o consumidor a fazer melhores escolhas.

EcoAgência

Campanha chamou a atenção dos consumidores

Por Juarez Tosi para EcoAgência de Notícias

A alimentação saudável e de qualidade é hoje um dos maiores desafios para combater a obesidade infantil e melhorar a saúde geral das pessoas. Com o intuito de divulgar a campanha Obesidade Infantil X Alimentação Saudável, bem como a necessidade de rotulagem dos alimentos, a Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável, realizou uma campanha neste sábado (30), na Feira dos Agricultores Ecologistas (FAE), no Parque da Redenção, em Porto Alegre.

De acordo com uma das divulgadoras, Katia Cesa, que participa do Movimento pela Saúde dos Povos, a receptividade das pessoas ao movimento tem sido muito boa, com questionamentos e busca de informação para melhorar sua alimentação. Segundo ela, um dos focos do movimento é a campanha "Você tem direito à informação", através da criação de rótulos em alimentos, com o objetivo de ajudar o consumidor a fazer melhores escolhas.

A principal mudança apresentada no modelo de rotulagem proposto é a inclusão de um selo de advertência na parte da frente da embalagem de alimentos processados e ultraprocessados (como sopas instantâneas, refrigerantes e biscoitos) para indicar quando há excesso dos nutrientes críticos, a exemplo de açúcar, sódio, gorduras totais e saturadas, além da presença de adoçante e gordura trans em qualquer quantidade.

De acordo com dados da Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável, os casos de sobrepeso e obesidade entre crianças e adolescentes no Brasil triplicaram nos últimos 20 anos, atingindo mais de um terço dos jovens. Enfatiza, ainda, que a obesidade é uma doença e um fator de risco para outras doenças crônicas, como diabetes e doença do coração, além de trazer consequências negativas sociais e psicológicas.

A Aliança pela Alimentação Adequada já conta com a participação de dezenas de entidades no pais. No Rio Grande do Sul, entre outras, fazem parte do movimento Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Movimento pela Saúde dos Povos, Agapan, e Coletivo a Cidade que Queremos.

EcoAgência Solidária de Notícias Ambientais

Fonte: http://www.ecoagencia.com.br/?open=noticias&id=VZlSXRlVONlYHpkdOZlVaNGbKVVVB1TP





" data-layout="standard" data-action="like" data-show-faces="true" data-share="true">
 
Início      Cadastre-se!      Procurar      Submeter artigo      Fazer doação      Contato     Apresentação     Normas de Publicação     Artigos     Dicas e Curiosidades     Reflexão     Para sensibilizar     Dinâmicas e recursos pedagógicos     Entrevistas     Culinária     Arte e ambiente     Sugestões bibliográficas     Educação     Você sabia que...     Contribuições de Convidados/as     Práticas de Educação Ambiental     Sementes     Ações e projetos inspiradores     Gestão Ambiental     Cidadania Ambiental     Relatos de Experiências     Notícias