Temos de fazer o melhor que podemos. Esta é a nossa sagrada responsabilidade humana. Albert Einstein
ISSN 1678-0701 · Volume XX, Número 82 · Março-Maio/2023
Início Cadastre-se! Procurar Área de autores Contato Apresentação(4) Normas de Publicação(1) Artigos(5) Dicas e Curiosidades(4) Reflexão(7) Para sensibilizar(1) Entrevistas(1) Arte e ambiente(1) Divulgação de Eventos(9) O que fazer para melhorar o meio ambiente(1) Sugestões bibliográficas(4) Educação(1) Você sabia que...(1) Ações e projetos inspiradores(2) Cidadania Ambiental(1) O Eco das Vozes(1) Do Linear ao Complexo(1) A Natureza Inspira(1) Relatos de Experiências(2) Notícias(12)   |  Números  
Dicas e Curiosidades
13/03/2023 (Nº 82) A IMPORTÂNCIA DOS ‘RIOS VOADORES’ PARA O CLIMA
Link permanente: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=4458 
  

A IMPORTÂNCIA DOS ‘RIOS VOADORES’ PARA O CLIMA

 
O caminho dos rios voadores. Fonte: Projeto Rios Voadores

A importância dos ‘rios voadores’ para o clima

Os “rios voadores” são correntes de vapor de água na atmosfera que se movem pela região da Amazônia e transportam grandes quantidades de água doce da bacia amazônica para outras regiões do continente sul-americano, incluindo a região sudeste e sul do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai.

A Amazônia é a principal fonte dos “rios voadores“, que são correntes de vapor de água na atmosfera que se movem pela região e transportam grandes quantidades de água doce da bacia amazônica para outras regiões do continente sul-americano.

Esses rios voadores são formados a partir da evapotranspiração da floresta amazônica, que é o processo pelo qual as plantas liberam vapor de água na atmosfera através da transpiração e que é em grande parte causado pela intensa evaporação da umidade do solo e da vegetação da região amazônica. Esse vapor de água sobe para a atmosfera e é transportado pelo vento, formando as correntes que se movem pela região e que podem viajar por milhares de quilômetros.

Esses rios voadores são extremamente importantes para o clima da região, pois ajudam a regular o ciclo hidrológico, ou seja, a distribuição de água na natureza, em grande parte da América do Sul. A umidade transportada pelos rios voadores é fundamental para manter a umidade do solo, irrigar as plantações, alimentar rios e lagos, além de fornecer água para consumo humano e animal.

Além disso, os rios voadores também têm um impacto significativo no clima da região, ajudando a equilibrar as temperaturas e os níveis de umidade em diferentes áreas. A umidade fornecida pelos rios voadores ajuda a prevenir a desertificação e a manter a biodiversidade na região.

No entanto, a degradação ambiental na região amazônica, como a desflorestação e a mudança no uso da terra, podem afetar significativamente a quantidade de vapor de água transportado pelos rios voadores, causando mudanças climáticas negativas na região e em outras áreas da América do Sul.

Assim, a preservação da floresta amazônica é essencial para manter o equilíbrio ecológico e climático da região e do continente como um todo, além de ser vital para a manutenção da biodiversidade e dos recursos hídricos na região.

in EcoDebate, ISSN 2446-9394



Fonte: A importância dos 'rios voadores' para o clima (ecodebate.com.br)

Ilustrações: Silvana Santos