ISSN 1678-0701
Volume IX, Número 32
Junho-Agosto/2010.
Números  
Início      Cadastre-se!      Procurar      Área de autores      Contato     Apresentação     Normas de Publicação     Artigos     Dicas e Curiosidades     Reflexão     Para sensibilizar     Dinâmicas e recursos pedagógicos     Entrevistas     Arte e ambiente     Divulgação de Eventos     Sugestões bibliográficas     Educação     Trabalhos Enviados     Breves Comunicações     Reportagem
 
Reportagem

No. 32 - 05/06/2010
Metalúrgica Daniel, uma empresa preocupada com a sustentabilidade  
Link permanente: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=870 
" data-layout="standard" data-action="like" data-show-faces="true" data-share="true">

Metalúrgica Daniel, uma empresa preocupada com a sustentabilidade

Texto e fotografia: Alice Gehlen Adams - Jornalista Responsável pela Educação Ambiental em Ação (Mtb 12.690)



O meio empresarial está cada vez mais concentrando seus esforços em minimizar os danos provocados ao meio ambiente. Em Novo Hamburgo/RS, um exemplo de empresa focada na área de sustentabilidade é a Metalúrgica Daniel que, desde 1985, realiza um trabalho modelo relacionado ao tratamento de efluentes. Sendo uma das primeiras empresas do Estado a implementar este importante processo, a Daniel ampliou suas atividades voltadas à sustentabilidade com a criação de um setor de Gestão Ambiental.

A diretora superintendente da Metalúrgica Daniel, Débora Giacomet, salienta que atuar com responsabilidade socioambiental é um compromisso para a Daniel já definido nos valores organizacionais. “A empresa dispõe inclusive de uma área de gestão ambiental que busca a redução dos impactos ambientais associados à produção, com a proposta de controlar a separação e a disposição correta dos resíduos, reduzir o uso de matérias-primas nocivas ao meio ambiente e buscar a conservação de energia e de recursos não renováveis”, lembra.

Um dos meios encontrados para trabalhar a conscientização dos colaboradores foram as ações como a semana da SIPAT, Semana do Meio Ambiente, programa 5S, Brigada de Incêndio Daniel. Atualmente, a cada 15 dias o setor de Gestão Ambiental realiza o Dia da Sustentabilidade. Neste dia, no intervalo do almoço dos funcionários, passa-se um vídeo de assuntos ligados ao tema. “Procuramos vídeos que tratem da separação correta dos lixos, do descarte de pilhas, do consumo consciente. Enfim, a cada edição buscamos abordar uma nova temática”, conta Luciane Taís Fuhr, gestora ambiental e coordenadora de laboratório.

Porém, as ações voltadas à educação ambiental não são realizadas somente para o público interno da empresa. A comunidade do entorno da empresa, localizada no bairro Guarani, também é beneficiada. “Realizamos ações de segurança no lar, a campanha Não Dê Dengo à Dengue, tudo com o pessoal da nossa vizinhança. Já somos conhecidos aqui pela realização deste tipo de atividade” cita o técnico de segurança do trabalho e coordenador da brigada de emergência, Joni Ermel.

AÇÕES NAS RUAS

Luciane e Ermel têm um papel fundamental no desenvolvimento dos processos. Partem deles as idéias das ações a serem realizadas e o plano de execução.

ERMEL E LUCIANE

Para o mês de setembro está agendada uma nova edição da distribuição de mudas, com uma novidade. Todas as plantas que serão distribuídas foram produzidas no pátio da empresa. “Em outros anos ganhamos ou compramos as mudas. Agora, analisando o nosso ambiente, vimos que somos capazes de produzir muitas mudas dentro da própria empresa”, conta Luciane. Ao todo, os funcionários já transplantaram mais de 300 mudas de árvores como de Jacarandá, Ingazeira, Ameixeira, Ipê, Pitangueira e Espinheira Santa.

MUDAS

RESULTADOS

O resultado das ações desenvolvidas pela Daniel podem ser observados por meio do certificado de Descontaminação de Lâmpadas emitido pela Mega Reciclagem de Materiais Ltda; certificado de Tributa à Cidadania Empresarial, da Fundação Semear; e pelo certificado de Empresa Amiga do Meio Ambiente, reconhecimento pela promoção de iniciativas na área de gestão ambiental na busca de parâmetros para o desenvolvimento sustentável.

COLUNAS IÔNICAS

Em setembro do ano passado a Daniel inaugurou um equipamento com colunas, baseado na tecnologia da troca iônica, que reduz a emissão de resíduos líquidos no tratamento de peça. isso significa que parte da água, antes descartada, agora é reaproveitada. Com o novo equipamento será necessário captar menos água da natureza e assim serão gerados menos efluentes. O equipamento, instalado junto à estação de Tratamento de Efluentes, é composto por um conjunto de três colunas – uma para tratamento de cromo, outra de águas ácidas e outra de águas alcalinas, com uma capacidade de vazão de 28 mil litros de água por hora.

Luciane conta que das cinco linhas galvânicas da empresa, duas são ligadas às colunas que recirculam cerca de 600 mil litros de água por dia, gerando uma economia de 40% no consumo da água. “Nossa próxima fase atenderá as outras três linhas. Acredito que até a metade do ano que vem já teremos todas as linhas neste sistema e não mandaremos mais efluentes”.

COLUNA IÔNICA

Reaproveitamento e reciclagem

O cuidado com a separação de resíduos pode ser observado com o galpão de coleta seletiva localizado no pátio da Daniel. Equipamentos eletrônicos, papelão, lâmpadas, todos os resíduos são guardados separadamente até serem enviados ao seu destino final.

COLETA

Alguns tanques inutilizados pela empresa foram pintados e usados como vasos, em uma experiência para projetos futuros. Com um belo visual, o vaso reaproveita tanto o tanque inutilizado como restos de borracha de silicone que são colocados como fundo do vaso para não exigir tanta terra. A experiência deu certo e em breve os corredores da empresa deverão estar com uma decoração ecologicamente correta. “A ideia partiu de um gerente nosso, o que mostra que todos os setores se envolvem de alguma maneira com a causa”, conta Ermel.

VASO



A EMPRESA

Fundada em 10 de janeiro de 1968 por Almiro Oppitz e Élio Giacomet, a Metalúrgica Daniel produz componentes metálicos e plásticos para os mercados de moda e peças técnicas, exportando para os mais diversos países nos cinco continentes. Com sede em Novo Hamburgo/RS, a empresa está instalada em um parque fabril de 40.000 m², com 17.000 m² de área construída, sendo considerada uma das principais fornecedoras de componentes metálicos e plásticos da América Latina.





" data-layout="standard" data-action="like" data-show-faces="true" data-share="true">
 
  Início      Cadastre-se!      Procurar      Área de autores      Contato     Apresentação     Normas de Publicação     Artigos     Dicas e Curiosidades     Reflexão     Para sensibilizar     Dinâmicas e recursos pedagógicos     Entrevistas     Arte e ambiente     Divulgação de Eventos     Sugestões bibliográficas     Educação     Trabalhos Enviados     Breves Comunicações     Reportagem